sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

Socorro abusei no Natal

Também sofreste um atentado ao teu organismo? Também foste atacada com rabanadas, bilharacos, filhoses, sonhos, aletria, arroz doce, bolo rei, bombons...principalmente Ferrero Rocher? Estamos Junta(o)s!

Agora não vale a pena chorar sob o leite derramado, vamos lá limpar o organismo. A limpeza do organismo não é feita necessariamente para emagrecer, mas este fenónemo acaba por ser consequência do mesmo. O consumo exagerado de alimentos industrializados, como o açúcar refinado, refeições pré cozinhadas, gorduras saturadas, gorduras trans e hidrogenadas que pioram com o consumo de álcool e tabaco vão intoxicar o organismo, contribuir para o processo inflamatório e consequentemente provoca dores de cabeça, fadiga, problemas intestinais, envelhecimento cutâneo prematuro, inchaço, celulite e desordens nervosas.

A desintoxicação torna-se muito mais benéfica durante as primeiras horas do dia, pois permite acertar o ritmo. O período matinal é o período por excelência para o organismo humano eliminar os seus excretos. Daí os sumos detox serem tão aconselhados em jejum.

Se também és adepta(o) dos sumos detox, ou te sentes tentada(o) a experimentar, sabe que o melhor é o de uvas e hortelã. Para fazer este só precisas de bater no liquidificador um limão (sempre que consumires limão de manhã, quer em sumos detox, quer em água morna em jejum deves sempre optar por consumir com casca, pois é muito ácido), uma xícara de folhas de hortelã e outra xícara com uvas (sem sementes) e água suficiente para processar em forma de sumo. Depois de preparada é só coar a mistura e acrescentar uma colher de chá de farelo de aveia. A aveia é óptima para dar volume e fluidez fecal e ajuda na eliminação de gorduras nocivas para o colesterol e triglicéridos.

Para estes sumos dá prioridade às frutas vermelhas e alaranjadas devido ao seu poder antioxidante. Outros alimentos que deves priorizar para a desintoxicação do organismo são:

Salmão:
Eu cá acho que este peixe não se devia chamar salmão, mas sim ómega, visto que tem ómega 3, ómega 6, ómega 9 que são excelentes para uma acção anti-inflamatória. Ao contrário do que acontece com as carnes vermelhas, o peixe é facilitador do processo de digestão. Nesta altura mais delicada aposta no peixe, comendo 5 vezes peixe por semana.

Frutas e Legumes:
As frutas e os vegetais são de fácil digestão, têm vitaminas antioxidantes, que neutralizam os elementos nocivos ao organismo. Claro que deves optar pela fruta e legumes da época, que não crescem em estufas, nem são sujeitos a adubos e pesticidas. Agora no Inverno recorre à laranja que além de ter vitamina C, ainda é; os quivis fazem o mesmo efeito. No campeonato dos vegetais destaco os agriões, espargos que são ricos em minerais e vitamina C.

Chá verde:
O Chá Verde além de antioxidante é termogenico, o que ajuda a reduzir a concentração de gordura no sangue.

Gengibre:
É um tudo em um, antioxidante, anti-inflamatório e bactericida, ao mesmo tempo que contém vitamina B6, cobre, magnésio e potássio que são anti-inflamatórios.

Alimentos Integrais:
Alimentos ricos em fibras que ajudam ao funcionamento intestinal são o topo da lista, pois aumentam a capacidade de excreção de toxinas pelas fezes e evitando deste modo a inflamação do organismo. Por esta razão come grãos que vão acelerar o trânsito intestinal, assim, consome quinoa e linhaça que têm ómega 3 e são anti-inflamatórios.

Limão:
Possui vitamina C e uma substância chamada d-limoneno que estimulam o funcionamento do fígado e a expulsão de toxinas. Por isso é que é tão recomendado um copo de água morna com sumo de meio limão, no entanto, se tiveres úlceras e gastrites evita pois pode agravar estes problemas.


Água:
Que novidade?! A verdade é que a maioria dos desiquilibrios acontecem na acidez do estômago e no fígado, por serem os principais orgãos a beneficiarem com a desintoxicação do organismo. A água vai reestabelecer o PH que vai ajudar na desintoxicação do organismo. Para isso tem atenção ao PH nos rótulos das garrafas, valoriza o PH alcalino (acima do 8), a ingestão de água favorece a diuérese e a excreção de toxinas por via da urina.

Vamos lá coragem!


2 comentários:

  1. abusei tanto que agora até custa pensar xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quem não o fez que ponha o dedo no ar!
      Ainda vamos a tempo de resolver a situação, nada melhor que o inicio do ano quando estamos mais motivadas ;)

      Beijinho

      Eliminar