terça-feira, 23 de junho de 2015

Dizem por aí que se usa: leggings

Vamos lá admitir, esta peça não podia faltar por estas bandas. Quem não é fã de leggings, não sabe o que é conforto.

Elas são super usáveis, confortáveis, versáteis, confortáveis, estilosas, confortáveis e capazes de se adaptarem a qualquer ocasião quando conjugadas da maneira certa. Vá, não se entusiasmem e não apareçam no próximo casamento de leggings...mas...usa o teu bom senso!


Vamos começar com o óbvio. Acordamos, está um gelo lá fora, chove e ainda temos um longo dia pela frente. Outfit do dia? Pijama? Não.... mas algo igualmente confortável, quentinho e que abrace o nosso corpo de modo a manter a sensação que estamos nas nuvens... leggings.

A parte difícil é fugir dos look's demasiados desportistas e optar por um que emane estilo. Truque?  Botas de cano alto, botins e  acessórios como golas, lenços, colares, relógios... e foge a sete pés dos ténis. 

Também é importante considerar o tecido, quanto mais ar de fato-treino tiver, mais curta for, mais parece que vamos para o ginásio. O mesmo efeito acontece com as leggings cinza. Pelo seguro aposta em cores escuras.


Nas estações intermédias, isto é, Outono e Primavera, as leggings são perfeitamente usáveis e facilmente conjugáveis.

Deves sempre conjugá-las com camisolas (malha), camisetas (t-shirts), blusas mais largas e que tapem o quadril. Se fores trabalhar, conjuga uma blusa com um blazer cintado e tens um look semi formal para criares uma boa impressão. Em momento algum uses crop tops com leggings ou peças demasiado justas, podes querer que te julguem como gostosona mas podem achar-te vulgar e nós não queremos isso.

Para alongar a figura já sabes, sapatos da cor dos leggings ou nude.

Não há truque melhor para disfarçar a celulite do que escolheres um tamanho adequado,  cores escuras e optares por leggings estampados que a atenção vai-se concentrar no padrão e não tanto na pele casca de laranja. Pelo sim, pelo não quando escolheres umas leggins de padrão, escolhe uma peça lisa, a não ser que sejas profissional a conjugar padrões.



Quem faz deslizar o ponteiro da balança também se pode lançar nas leggings. As regras são as mesmas, equilibra o look com camisola mais larguita e foge das leggings claras que deixam ver demasiado. Volto a salientar a importância de escolheres o tamanho certo, porque o elástico ao ser esticado pode revelar algumas transparências indesejáveis, atenção que estas tendem a aparecer com o tempo.

A escolha da roupa interior, como em tudo, é bastante importante, escolhe cuequinhas sem costuras, da cor da pele ou das leggings e que passem despercebidas nos vários movimentos.

Por fim, cuidado com o comprimento das leggings quando estas terminam em cima do tornozelo, porque vão achatar a tua figura e engordar uns quilinhos (claro que não te engorda, dá a impressão de...). Quando compridas até ao calcanhar vão adelgaçar a figura e alongar a silhueta.

Já tens as tuas?

2 comentários:

  1. No Inverno adoro usar leggings, tens toda a razão quando dizes que há que saber conjugá-las e acima de tudo não usar croptops, ou algo que deixei a zona do quadril demasiado de fora! Não gosto nada de ver! As camisolas de malha, com leggings e umas botas de cano alto, para mim são sem duvida um outfit perfeito e confortável!

    Beijinhoo,
    Midnight Hazel

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Nádia,

      Obrigada pelo comentário, concordo com tudo o que está nele.

      Beijinhos

      Eliminar