sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Como combinar alimentos

Há alimentos que simplesmente não combinam, outros que ficam bem mas as nossas crenças fazem com que fujamos dessa combinação a 7 pés. A alimentação é como tudo na vida, há sempre o testo certo para a panela, e a biodisponibilidade bem sugerir isso mesmo, combinar alimentos para tirar o melhor partido dos seus nutrientes.

  • Cenoura (vitamina A) e Hummus: o azeite deste ultimo desbloqueia a vitamina A dos alimentos.
  • Salmão e nozes: A gordura insaturada potencia a ação do omega 3.
  • Brócolos e lentilhas: a vitamina C dos primeiros ajuda a absorção do ferro de origem vegetal presente nas segundas.
  • Espinafres + ovos + tomate: O cálcio precisa da vitamina D e C para ser absorvido. Junta o salmão e tens uma bomba para fortalecer os teus ossos.
  • Milho e feijão preto: o milho dá os aminoácidos necessários à digestibilidade da proteína dos últimos.
  • Amêndoas e kiwi: tornam-se uns aliados a nível anti-inflamatório pela conjugação da vitamina E e C.
  • Aveia e Frutos vermelhos: ou qualquer alimento que forneça vitamina C e permita a prevenção da oxidação do colesterol e consequentemente a inflamação provocada por ela.
  • Feijão e laranja: põe uma generosa quantidade de ferro num prato que é melhor absorvido devido à vitamina C. Junta abacaxi na sobremesa e tens a cereja no topo do bolo.
  • Feijão + abóbora: ou por outras palavras ferro e vitamina A.
  • Leite e vitamina D da manteiga: Já a publicidade do danoninho explica a necessidade da vitamina D para a absorção do cálcio.
Agora é só fazer pratos deliciosos.

Sem comentários:

Enviar um comentário