segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Uma chefe para tantas receitas #18

Bom dia, boa segunda feira, boa semana... Esta semana vai estar recheada de coisinhas boas, nem que seja no prato quando fores jantar... Já sabes para te inspirar, receitas fáceis, baratas, saudáveis e para quem está interessa/o Low Fodmaps.

Ando a tentar melhorar a qualidade das fotografias, embora saiba que ainda tenho um longo caminho pela frente, estou-me a esforçar!

Segunda


Dourada deve ser o meu peixe preferido e para começar a semana nada melhor do que algo que garantidamente vamos gostar.

Como ando a tentar comer mais legumes comecei por pincelar o fundo de uma assadeira com um fio de azeite, assegurando que nada se iria agarrar, comecei a colocar rodelas de courgete e tomate temperadas com sal e oregãos e por cima desta caminha de legumes a dourada temperada só com sal.Levei ao forno por 30 minutos aproximadamente.

Noutra assadeira fiz um processo semelhante, pincelei a assadeira com azeite, coloquei as batatas com casca partidas aos bocados, temperei com sal, azeite e oregãos e forno por 1H.

Depois é só servir e te deliciar que fica mesmo muito bom e o trabalho que dá é pouco.

Terça


Tenho uma amiga que está sempre a incentivar-me a comer mais quinoa pelos seus benefícios para a saúde, tinha muito medo de não gostar e sempre adiei. Quando a apanhei em promoção lá pensei, "porque não" e não é que não me arrependi?

Esta receita é igualmente simples, só precisas de temperar a costeleta com sal e grelhar, simples mas bom. Cozer a quinoa por menos de 15 minutos em água e sal. Num recipiente à parte juntei rucula, tomate e amêndoas e temperei com vinagre de sidra, azeite e sal. Quando a quinoa estava pronta, misturei tudo calmamente e servi.

Quarta

Mais uma receita simples e boa, comecei por refogar tomate em azeite e misturei atum natural, temperando com oregãos e gengibre. A esta mistura acrescentei espinafres a gosto e fui envolvendo até darem índices que estavam a murchar, regrei tudo com água e acrescentei a massa (esta é sem gluten), temperando com sal.  Servi polvilhado com sementes de linhaça e fui feliz.

Quinta


Claro que não podia passar uma semana sem comer arroz, este é o vaporizado que eu adoro. Parece uma receita super vulgar e básica mas tem um conjunto de pormenores que a torna nutritiva e deliciosa. 

Comecei por pincelar uma assadeira com um fio de azeite, coloquei na mesma uma costeleta temperada com sal, orgãos, gengibre e sumo de laranja, levei ao forno por 25 minutos.

Para acompanhar o arroz cozido apenas em água e sal, uma saladinha de rucula e tomate temperada com vinagre de sidra, sal e azeite e polvilhada com semente de sésamo. 

Sexta


Para terminar a semana uma sopinha quentinha e reconfortante. Como iria substituir uma refeição e queria que sobrasse fiz com 4 batatas, 3 cenouras e 1 courgete cozidas em água e sal que tapava um pouco mais do que os alimentos sólidos. Quando estavam devidamente cozidos passei tudo pela varinha mágica e voltei a levar ao fogo com um molho de agriões e passado 15 minutinhos desliguei. Juntei 1 fiozinho de azeite.

Qual vais provar?

4 comentários:

  1. Ai que fome!!!

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Isabel,

      Tens aqui receitas bem fáceis para resolveres o problema ;p

      Beijinho

      Eliminar
  2. Também nunca provei quinoa, mas deixaste-me receptiva! E adorei o "Servi polvilhado com sementes de linhaça e fui feliz." O melhor dessa receita foi ter-te deixado feliz! Hehehe

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por acaso é espantosa a capacidade da comida de me deixar num extremo ou outro, por um lado adoro comer e fico feliz quando a coisa corre bem, por outro quando não sei o que estou a comer ou fujo ligeiramente da zona de conforto (devido à dieta) tenho pequenos ataques de pânico e fico horrorizada com a possibilidade de ter uma crise ou dor de barriga =S Beijinhos

      Eliminar