quinta-feira, 31 de março de 2016

Dizem por aí que se usa: Saia Lápis

A saia lápis apareceu nos anos 40, pela mão de Christian Dior que procurou dar resposta às limitações económicas da época e criar um traje para as mulheres que começaram a entrar no mercado do trabalho em substituição dos maridos que estavam na guerra. Tal justifica a sua estreita ligação com o profissionalismo, a tradição e a seriedade dada ao look.


Foi nos anos 2010 que ela resuscitou para a passarelle e guarda roupa de qualquer mulher, deixa de estar tanto ligadas ao look de secretárias sexys ou mulheres  de poder para ter uma nova roupagem, bem mais moderna e descontraída.

Apesar de ser uma peça com poucos erros e adaptada a qualquer tipo de mulher, os cuidados na hora de usar devem começar logo no momento da compra. Assim, quando fores comprar certifica-te como ela fica no rabo, vê-te de costa, em espelho duplo de preferência e vai dando uns passinhos para perceberes como é que elas se comportam quando estás em movimento. Tem especial atenção ao tecido, deves garantir que tem elastano na sua composição para que consigas andar confortavelmente, as rachas também o facilitam, mas cuidado com o seu comprimento para não se tornarem vulgares.


Apesar de ser recomendado o seu uso com scarpin bicudo e de salto alto para o alongar a perna, elas ficam super bem com sandálias, ténis, botins, tem cuidado com as sabrinas de bico arredondado com prejuízo de encurtar e engordar a perna. Mas, isto não quer dizer que não possas usar com sapato raso, requer é mais bom senso e cuidado.

A oferta é imensa o que requer ainda mais cuidados na escolha do tecido, cor e estampados. Assim, alguns tecidos podem exigir a sua combinação com um saiote para não marcar a figura, enquanto outros exigem atenção redobrada à escolha da lingerie.


Apesar da sua versatilidade ela exige alguns cuidados consoante o teu biótipo. Assim, mulheres altas podem usar a parte de cima por dentro da saia, para equilibrar a figura e saias midi, já as baixinhas com o tronco mais curto que as pernas devem evitar encurtar a figura com este truque e preferir a camisola por fora da saia, o mesmo vale para quem tem peito muito grande. Podem também usar por dentro da saia se a intenção for afinar a cintura, este efeito fica tanto melhor quanto mais larga for a camisola, não te esqueças do salto alto e do sapatinho nude que sabes que ajudam sempre.

Estas pequenas atenção têm tanto os mais importância quando falamos das grandes vilãs, anca, rabo e barriga, que quando gritam por protagonismo fazem com uses cores escuras ou estampados pequenos que as disfarcem, se a coisa não abunda a teu favor, escolhe cores claras e estampas grandes que vão acrescentar alguns centímetros.

Embora as saias lápis afuniladas sejam as mais comuns, estas não são as melhores amigas de quem tem a anca mais larguita pois vão salientar a mesma, prefere modelos mais retos.

Já tens a tua?

Sem comentários:

Enviar um comentário