terça-feira, 19 de abril de 2016

Sabes o que andas a comer? Quinoa

Já não é a primeira vez que a quinoa aparece por aqui no blog, falei dela aqui e aqui e cheguei inclusive a prometer que explorava o assunto mais profundamente por estas bandas. E como posso tardar, mas não falho aqui estou eu a vender-te um pouquinho de saúde ao preço da chuva (pelo menos a leitura deste post, pois a quinoa é cara como tudo).

Mas afinal o que é a quinoa? A quinoa é uma semente com várias cores, da familia do espinafre e bastante rica em amnioácidos (tendo 18 na sua composição) essenciais dos quais destaco a proteina, vitaminas do complexo B, fibras, magnésio, fósforo, maganês, selênio , ferro, potássio, cálcio e Zinco. Graças às suas propriedades torna-se a rainha da alimentação saudável ao ponto de acreditar que prefiro dar 6,50€ por 500g do que mais tarde investir em medicamentos.

Benefícios para a saúde

Os seus beneficios são tantos que vais ficar com a sensação que estou a fazer uma lista de compras ao invés de apresentar as vantagens ao seu consumo. Mas a verdade é que ela protege-nos de doenças cardíacas, retarda o envelhecimento precoce, ajuda os hipertensos, promove a saúde ocular, previne doenças como o Alzheimer ao melhorar a nossa memória.

Tem a capacidade de fortalecer os nossos dentes, unhas e ossos e como tal previne o aparecimento da osteoporose, melhora o nosso sistema imunológico e promove a saúde do tecido muscular reparando as microlesões que podem aparecer no pessoal fitness. 

O seu consumo é bastante benéfico para as representantes do sexo feminino uma vez que reduz o risco de diabetes do tipo II, a frequência da enxaquecas, alivia os sintomas da TPM e menopausa, combate a depressão e a fadiga, previne o aparecimento do cancro da mama e combate a anemia, problemas urinário e doenças do figado.

Como é rica em ómega 3 e 6 vai reduzir o colesterol ruim e prevenir todas as doenças a ele associadas.

Malefícios para a saúde

Eu não encontrei muitos, mas prefiro chamar à atenção para o facto do nosso organismo não estar habituado a esta semente e em caso de abuso poder se manifestar num desconforto gástrico. Outro factor que prefiro chamar à atenção é para o facto dos seus grãos poderem ter substâncias tóxicas como a saponina, sendo aconselhado meter de molho antes do seu consumo.

Sem comentários:

Enviar um comentário